Pesquisar este blog

Carregando...

Marcadores

  • 1 (1)

terça-feira, 14 de junho de 2011

CORREÇÃO DE EXERCÍCIOS SOBRE REVOLUÇÃO INDUSTRIAL - EXERCÍCIOS COMPLEMENTARES PARTE I

1) A indústria está presente em nosso cotidiano em todas as nossas atividades. A alimentação, vestuário, informações chegam até nós através da indústria. Os países que possuem tecnologia e indústrias tem maior índice de desenvolvimento e menor dependência em relação a outros países, porém aqueles que tem tecnologia, indústrias e fontes de energia próprias são os mais desenvolvidos.
2) Com a maquinofatura a vida das pessoas sofreu uma transformação radical. As relações pessoais, de trabalho, de produção e sociais foram alteradas com o surgimento das fábricas. A vida urbana tornou-se o centro, assim como o comércio e atividades ligadas a ele e às indústrias passaram a ser importantes e determinaram o ritmo de desenvolvimento e da vida das pessoas, por isso foi um acontecimento revolucionário.
3) No artesanat o artesão é dono dos meios de produção e produz o produto que será vendido. A partir da maquinofatura o burguês, dono da fábrica é o dono das máquinas, dos meios de produção e não faz o produto.
4) Com a Lei dos cercamentos houve a expulsão de muitos camponeses que acabaram indo para as cidades e lá serão mão de obra barata para as fábricas que surguirem. Além disso, o aumento da produção de lã vai estimular o aceleramento da confecção de tecidos, estimulando o aparecimento das máquinas.
5) Com um governo burguês o comércio e a expansão dos negócios teve total apoio do governo, que passou a aprovar lei que beneficiassem a expansão da produção e do comércio.
6) Serão recursos monetários a serem utilizados no desenvolvimento da produção e pesquisa que levará ao desenvolvimento das máquinas.
7) A acumulação de capitais e a prosperidade econômica são princípios pregados pelo puritanismo e este pensamento estimulará os ingleses a buscarem nosvas formas de aumentar seus lucros no comércio, através da aceleração e aumento da produção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário